Modelo Atômico Atual

Hoje, o modelo atômico é definido baseado em dois parâmetros fundamentais que as leis da mecânica clássica não conseguiram explicar. São eles:


  1. Dualidade onda-partícula: Em 1924, o físico francês Louis de Broglie considerou que, se a luz (em certas circunstâncias) tem o comportamento de uma partícula, talvez a matéria tenha propriedades de onda. Portanto, a partir daí sugeriu que os elétrons considerados como partículas poderiam apresentar características semelhantes as ondas.


2. Princípio de Heisenberg: Em 1927, Werner Heisenber concluiu que, é impossível determinar com exatidão simultaneamente a posição e a velocidade do elétron num mesmo instante.


Devido a impossibilidade desta terminação da posição e da velocidade, o físico austríaco Erwin Schrödinger, em 1926, baseado pela mecânica quântica onde o elétron não é visto como uma partícula tendo uma certa posição a um certo momento, desenvolveu uma função de onda ( |ψ| ) que calcula a densidade de probabilidade de se encontrar um elétron em uma certa posição relativa ao núcleo. Esta funçaõ de onda é constituída por duas partes, uma radial e outra angular, assim determinando a região do espaço onde é máxima a probabilidade de se encontrar um elétron, chamada de orbital.



Referências
  1. Rozenberg, I. M.; Química Geral, 1ª ed., Ed. Blucher, São Paulo,2002.
  2. Canto, E. L.; Peruzzo, T. M.; Química na abordagem do cotidiano: Química Geral e Inorgânica, Ed. Moderna, São Paulo, 1998.
Fontes de Informação
  1. Acedido dia 08 de Novembro de 2012 em http://www.vestibulandoweb.com.br/quimica/teoria/modelo-atomico-atual.asp
  2. Acedido dia 08de Novembro de 2012 em http://www.soq.com.br/conteudos/em/modelosatomicos/p7.php

Nenhum comentário:

Postar um comentário